quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Kunigami: O Santuário para Curar Hemorroidas

O santuário xintoísta Kunigami, localizado na província de Tochigi, Japão, é especializando em abençoar aos seus visitantes, com a finalidade de curá-los ou protegê-los ante a ameaça das hemorroidas. No santuário há uma grande pedra em uma fonte com forma de ovo.
Também há uma estátua de uma galinha que simboliza a postura dos ovos de pedra mágicos que curam as hemorroidas.

Segundo o ritual, é preciso se agachar e apontar o fiofó para o ovo inúmeras. Segundo os repórteres do site ITmedia, no dia da reportagem haviam homens, mulheres e crianças, todos fazendo pose ao ovo de pedra e até bebês de colo tinham o bumbum apontado para o santuário por suas mães.

A cada pose feita, é preciso exclamar a frase "Ketsupitashi" (Que seria, pela pronúncia, algo como "C@ certinho", no entanto, o significado vem da modificação de "Ketsu wo Hitasu" que significa refrescar o fiofó na água. NDT.) que os repórteres do site não perderam a oportunidade de exclamarem também e claro, ouvir que até senhoras bem arrumadas sussurravam a frase com ar de constrangimento e fazendo, de modo quase imperceptível, a pose com as costas viradas para o ovo de pedra.

A origem do ritual, chamado de "Jikata Majinai", é incerta e acredita-se que tenha surgido de uma antiga prática de campesinos, onde estes refrescavam o traseiro nas águas do rio (Daí a frase "Kestupitashi", explicado na primeira nota de tradutor) e sentindo melhoras, daí para a criação de uma simpatia e de um templo com essa finalidade foi um pulo.

Os japoneses sofrem com hemorroidas desde a antiguidade e é inimaginável para nós ocidentais, a naturalidade com que eles encaram tal dolorosa doença em que é protagonista corriqueira e frequente de calorosas conversas de bar a extensos programas de TV e ainda, com uma lucrativa e ampla farmacologia especifica para esse padecimento.

Assim que um templo desse calibre é para nós algo muito estranho, mas para os japoneses, é apenas pura diversão.
Enfim, mais uma curiosidade estranha do Japão daquelas que não se encontra por aí:)


Localização do santuário:
.
Fonte

Nenhum comentário:

Postar um comentário