quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Os Refúgios Antibombas Israelenses

Os muitos anos de confrontos entre israelenses e palestinos provocaram que os primeiros tenham um protocolo de segurança cumprido rigorosamente em caso de emergência. 

Algo muito importante nesse protocolo, são os refúgios antibombas repartidos no país e que protegem seus cidadãos em caso de ataque palestino. Soa a sirene e os cidadãos encaminham-se a estes locais, onde não correm nenhum perigo e que estão equipados com o essencial para sobreviver.

Uma israelense seca o cabelo de uma adolescente dentro do refúgio.
As expressões de aborrecimento se misturam com as vontades de alguns de se diveretirem como puderem, especialmente as crianças. Acontece que no interior de um refúgio, o tempo passa muito devagar e as possibilidades de lazer são reduzidas.
Um cão caminha junto à porta de acesso a um refúgio antibombas na cidade israelense de Ashkelon.
Como se pode ver pela decoração das paredes, tudo é feito para que as crianças estejam o mais seguras e confortáveis possível. É habitual ver nestes refúgios, brinquedos e muros coloridos que façam com que os pequenos não tenham saudades do exterior.
Motoristas israelenses esperam no interior de um refúgio antibombas em Kerem Shalom.
Vários israelenses se preparam para entrar rapidamente em um refúgio. A sirene está soando e precisam se abrigar depressa.
O certo é que no interior destes refúgios, também não há muita coisa pra fazer. Na imagem vemos pessoas passando o tempo à espera de que acabe o alarme.
Crianças israelenses baixam as escadas que levam ao interior do refúgio ao soar os alarmes.
Um garoto israelense atinge um saco de areia no refúgio. A leitura é outro passatempo dos ocupantes.
Uma mulher junto de seu filho no interior do refúgio.
Várias garrafas de bebidas alcoólicas são vistas no interior de um refúgio.
Outra parede decorada com os desenhos que as crianças fizeram nela.

Fonte