segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Museu da Tortura é Inaugurado na China para Educar e Assustar as Massas

Apenas durante o tempo de Halloween, a cidade de Huai'an em Jiangsu, China, abriu o seu próprio museu imperial da tortura, dedicado a mostrar a todos, os "melhores" e mais criativos métodos de extremo desconforto que os 5 mil gloriosos anos de história chinesa tem para oferecer.

As imagens do site Sina oferecem apenas uma amostra dos quase 200 tipos diferentes de instrumentos de tortura em exposição no museu que são demonstrados com manequins como vítimas infelizes e severos torturadores. As peças são capazes de horrorizar a todos: cortes, queimaduras, pressões, flexões, esfoladuras, sufocamentos, etc.
Diversão e pesadelo para toda a família.

O museu deve receber uma boa quantidade de visitantes, já que em uma recente pesquisa, foi constatado que 74% dos chineses são fãs de tortura quando necessário e inclusive, algumas pessoas ainda estão utilizando esses velhos truques em nossa era moderna, como noticiado em sites chineses sobre uma menina de 11 anos que teve a sua boca costurada com linha de pesca pelo próprio pai em Guizhou.

De qualquer forma, o museu deve ser capaz de contar com um fluxo de "viagens de estudo" CCP(Perspectiva Inter-Cultural), como uma disciplina oficial sênior podendo ser uma tentativa de enviar uma mensagem mais clara aos seus reitores. Talvez o museu venha a permitir demonstrações.





Fonte

Nenhum comentário:

Postar um comentário