quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Hatebeak - A banda de Death Metal em que o Vocalista era um Papagaio


Nada complementa a sonoridade do heavy metal melhor do que gritos capazes de fazer os ouvidos sangrarem. E quando esses sons vêm de um pássaro em vez de um ser humano, isso obrigatoriamente causa uma impressão. Conheça Waldo, um papagaio cinzento Africano do Congo e um prodígio como vocalista de Heavy Metal da banda "Hatebeak'' de Baltimore.

A banda foi formada em 2004, pelos engenheiros de som Blake Harrison e Mark Sloan, que tocavam guitarra e bateria, respectivamente. Hatebeak era um projeto estritamente de estúdio com letras ininteligíveis e sem melodia real. Eles nunca viajaram de modo a não torturar o pássaro. "Nós não tocamos ao vivo", Blake explicou certa vez. "Seria uma verdadeira tortura para o pássaro experimentar decibéis nesses níveis. Waldo é o único vocalista da Hatebeak. Ele faz ruídos de papagaio e também diz algumas palavras. "


Nos anos em que eles estavam ativos, Blake e Mark nunca revelaram seus sobrenomes em seus lançamentos a fim de manter o mistério em torno da Hatebeak. Eles foram assinados pela Reptilian Records (que agora está em pausa), e a maioria de sua discografia teve um tema aviário com títulos como "Number of the Beak", "Beak of Putrefaction", e "The Thing That Should Not Beak".("Número do Bico "," Bico de Putrefação", e "A coisa que não deve ser Bico".)

De acordo com ChrisX, diretor executivo da Reptilian Records, as gravações da banda venderam bem; muitas pessoas estavam aparentemente dispostas a gastar US $ 5 (12.82 reais) pelo estilo "esmaga-ninho" da Hatebeak.

"Quando a ideia da Hatebeak eclodiu, eu admito que eu estava cético", disse ele em 2004. "Mas agora que alçou voo, acredito que a Hatebeak vai subir a novas alturas, fazendo de Waldo um papagaio tão popular como todas as outras estrelas pop 'cérebros-de-passarinho' lá fora".

Críticos pareciam amar o trabalho da banda, já que a descreviam como um "Death Metal furioso e explosivo, que é completamente e estupidamente brilhante". E de acordo com o fã da Hatebeak Chris Okon, o som do grupo era como "uma britadeira estando na terra em um compactador". Em outras palavras, perfeito.

.
Blake havia revelado que a única razão para a existência da Hatebeak era o amor pelo heavy metal, e eles não estavam tentando transmitir qualquer mensagem em particular. "O único objetivo para a Hatebeak é realmente elevar a barra tanto quanto a música extrema consegue", disse ele. "Muitas bandas vieram antes de nós e tocaram uma forma extrema de música, e esta foi a minha maneira de levá-la a um entalhe acima."

A banda se separou em 2009, mas não antes de fazer seu segundo registro com Caninus - uma banda cujos vocalistas eram dois cães.


.
Um dos seus singles assinados é chamado de "Bird Seeds of Vengeance" ("Sementes de aves da Vingança") - um vídeo que se tornou viral, com mais de 400 mil visualizações no YouTube - com uma mistura única de pios, buzinadas, e rosnados que mostram perfeitamente o alcance vocal de Waldo.

Fonte

Nenhum comentário:

Postar um comentário