terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

História dos Inventos - Câmara de Gás


A câmara de gás como método de execução nos EUA, foi inventada pelo major norte-americano Delos A. Turner que pertencia ao corpo da US Army Medical Corps. A primeira execução feita com esta câmera foi realizada na prisão do estado de Nevada em 8 de fevereiro de 1924.

O primeiro prisioneiro a ser executado se chamava Gee Jon, um chinês, e demorou seis minutos em morrer graças à introdução do gás cianeto de hidrogênio na câmara.

O executado havia sido condenado à morte por matar um membro idoso de uma outra gangue rival chinesa em Mina, no estado do Nevada. Haviam tentado uma execução prévia injetando gás diretamente na sua cela que não foi efetiva, pelo qual, foi improvisado um recinto fechado que permitisse a execução, levando à criação desta forma de execução nos EUA.

Gee jon, o primeiro executado na câmara de gás dos EUA.



A morte na câmara de gás é muito parecida com o envenenamento por monóxido de carbono. O gás cianeto de hidrogênio substitui o oxigênio no corpo do detento, causando hipóxia, ou privação de oxigênio. Superficialmente se tem a impressão do gás apenas levar o condenado a dormir tranquilamente, mas isso não é o que acontece...

Na verdade, a pessoa na câmara sente dor semelhante ao de um ataque cardíaco. Os olhos saltam das órbitas e os condenados reagem como se estivessem sendo estrangulados e a pele fica roxa. Testemunhas da pena de morte por gás relataram a experiência como horrível e, em alguns casos, a pessoa na câmara não perde a consciência imediatamente podendo levar de 10 a 18 minutos para realmente morrer.

A primeira câmara de gás da prisão do estado de Nevada, EUA.




Desde a restauração da pena de morte nos Estados Unidos em 1976, onze execuções por câmaras de gás foram realizadas.

Atual câmara de gás do Missouri.


Cinco Estados (Wyoming, Califórnia, Maryland, Missouri, Arizona) mantém tecnicamente este método, mas todos encorajam a injeção letal como alternativa.

Fonte Fonte

Um comentário:

  1. Acho que o brasil precisa da pena de morte, sou a favor da vida mais, no brasil o cara mata raramente vai preso e em pouco tempo ta solto matando de novo, e quem so perde somos nos, pessoas queridas, amigos e familiares, enquanto isso o cara que ta preso come bem, a familia dele ganha auxilio em dinheiro, ja a familia da vitima e todos nos bancamos isso com impostos abusivos.
    Mais o que espera de um pais que quer lançar a bolsa prostituta :(
    Uma forma de incentivo a menores desde cedo a tomar esse rumo na vida.
    Ano passado o gigante tinha acordado diz o povo, mais na verdade ele so rolou para o lado e voltou a dormir.

    ResponderExcluir