sábado, 2 de maio de 2015

Esta Mulher Adota Bebês MORTOS e a Razão Nos Deixa Sem Palavras

Aqui no curionautas há algumas histórias a respeito de pessoas que adotam crianças, mas esta é a primeira vez que vemos isto...Uma chilena que adota bebês mortos...

Impulsionada por sua forte ideia de que todos os bebês merecem uma despedida apropriada, ela adota oficialmente os bebês abandonados que são encontrados mortos para poder fazer os seus funerais.

Tudo começou há 12 anos quando Bernarda Gallardo leu uma história no jornal local a respeito de um corpo de bebê abandonado no aterro de Puerto Montt. "Asesinan y botan guagua al basural"("Assassinam e jogam bebê no aterro sanitário"), dizia o artigo. Bernarda, quem estava no processo de adotar um bebê naquele momento, ficou horrorizada com a notícia. Percebeu que se o bebê vivesse, poderia ter chegado a ela para adoção. De modo que decidiu fazer algo a respeito.

Já que no Chile, se um corpo não é reclamado pela família ele é eliminado, Bernarda teve que agir rapidamente para que isso não acontecesse. O juiz encarregado inclusive chegou a pensar que ela era a verdadeira mãe biológica e que simplesmente se sentia culpada por ter jogado fora o bebê morto. Após convencer o juiz de suas intenções, pôde adotar o bebê a quem chamou de Aurora.

No funeral, compareceram 500 pessoas. Crianças, médicos, enfermeiras, repórteres e inclusive o juiz se apresentaram, ao que Bernarda diz ter sido uma grande festa para celebrar a vida de Aurora.

No dia seguinte, haviam notícias de outro corpo - um menino desta vez. Bernarda, devastada, adotou esse bebê rapidamente também, o chamou de Manuel e lhe deu um funeral.

Quando percebeu que o problema era muito sério, começou uma campanha para criar consciência colocando avisos que dizem "Não jogue o seu bebê no lixo".

"Por que há bebês deixados para morrer nas ruas quando há muitas famílias prontas e esperando para adotar um bebê não desejado" Se pergunta. "Em lugar de matar a esses bebês entregue-os para adoção!"

Fonte

2 comentários: