terça-feira, 21 de julho de 2015

"Campanha Staingate" - Mais de 3.000 Clientes Enfurecidos Lançam Uma Guerra Contra Apple


Milhares de clientes de produtos da Apple realizaram uma campanha para reclamar à marca, o reparo gratuito de seus computadores MacBook Pro a raiz de manchas que estão aparecendo nas telas. Alguns usuários obtiveram como resposta da companhia que "apenas se trata de um problema estético".

Um grupo de consumidores de produtos Apple se reuniu em torno de uma campanha para protestar por um problema que está afetando os computadores MacBook Pro com tela Retina: Na cobertura que reduz o reflexo, saem manchas, informa a "Forbes". O inesperado inconveniente afetou os modelos MacBook Pro vendidos entre junho de 2012 até a atualidade.

"Somos um grupo de clientes da Apple que pagou mais de 2.000 euros por um Macbook em que aparecem horríveis manchas na tela. As manchas podem começar a aparecer já aos sete meses da compra", declaram os usuários que lançaram a campanha "Staingate" (de "stain", que significa "mancha" em inglês). Já são quase 3.500 pessoas, segundo informa o seu site oficial.

No site staingate.org figura que:

Nós pagamos por isto,
Mas em troca, tivemos isto,
Isto,
E mais isto.

Ainda que se desconheça a causa exata do problema técnico, foi especulado que fatores como a umidade ou a limpeza excessiva da tela podem ter contribuído para a origem do defeito. Os denunciantes afirmam que a Apple considera o problema um "dano estético" que "não é coberto pela garantia". Alguns clientes tiveram que pagar até 800 dólares pelo reparo da tela.

Os prejudicados também estão reunindo assinaturas através de uma petição no site Change.org com o fim de obter uma reparação gratuita para todos aqueles usuários que sofrem o problema, independente de se o computador está na garantia ou não.


.
Fonte Fonte Fonte

Nenhum comentário:

Postar um comentário