terça-feira, 12 de abril de 2016

O Pequeno Mistério das Fotos Esburacadas

Talvez vocês já tenham visto fotos antigas com um buraco no centro cupinchas.

Os curiosos que porventura tenham visto tais "fotos vandalizadas" devem ter se perguntado o que levaria uma pessoa a danificá-las.

Pois agora, em Ground, um livro realizado por Bill McDowell e Daylight Books, explicam as razões deste pequeno mistério.

Ao menos nos Estados Unidos, tudo se deve a que durante a Grande Depressão, uma agência federal quis conhecer de perto qual era a situação dos fazendeiros pobres e dos seus terrenos. Por isso, contratou fotógrafos famosos para que documentassem a cena.

Roy Stroker, responsável pela divisão de fotografia da FSA, discriminava os negativos que não iam ser revelados perfurando-os, o que deixava um grande buraco que invalidava a imagem.

Agora, essa iniciativa levada a cabo graças à Biblioteca do Congresso Nacional Norte-Americano, pretende recuperar essas fotografias para o grande público.

Aqui, algumas dessas fotos esburacadas:









Abrax

Fonte

3 comentários:

  1. Bah, e esburacaram uma fotos bem legais. Puxa, mas fazer o que..

    ResponderExcluir
  2. Bah, e esburacaram uma fotos bem legais. Puxa, mas fazer o que..

    ResponderExcluir
  3. Gostaria de ver uma matéria completa sobre fotos post mortem, mas só encontro em sites estrangeiros e o tradutor do Google é uma desgraça. Será que tiravam fotos dos mortos por superstição, como última recordação ou será que tirar fotografia custava tão caro que só os ricos tiravam fotos em momentos importantes?

    ResponderExcluir