domingo, 22 de maio de 2016

Crianças "Possuídas" Têm a Mesma Visão de Um Homem de Preto


Segundo um artigo publicado no diário Daily Mail, cerca de 80 crianças de uma escola peruana foram possuídas pelo demônio e têm visões de um homem vestido de preto tentando matá-las.

Este caso de "possessão demoníaca" em massa aconteceu no Peru e fez com que alguns alunos sofressem de convulsões, alucinações e constantes desmaios na escola.

Vários especialistas têm se esforçado para explicar os repetitivos acontecimentos de convulsões generalizadas e desmaios na escola, supostamente construída sobre um cemitério clandestino.

Segundo relatos locais, mais de 80 alunos da Escola Elsa Perea Flores em Tarapoto, no norte do Peru, sofrem desta suposta "condição" contagiosa desde o mês de abril de 2016.

Os desmaios e convulsões começaram no final de abril.

Várias crianças com idades entre os 11 e 14 estão alegadamente desmaiando e sofrendo fortes convulsões musculares com frequência.

O doutor Antony Choy disse ao canal nacional peruano Panamericana TV: "Não compreendemos como isto continua acontecendo. Sabemos que começou em 29 de Abril e ainda hoje acontece. Agora, ainda existem cerca de 80 alunos afetados."

Elsa de Pizango, uma mãe preocupada cuja filha tem experimentado alguns dos sintomas, disse: "Ela desmaiou na escola. Eles não disseram nada no hospital. Ela simplesmente desmaiou. Ela continua cuspindo espuma de sua boca."

Não há um explicação oficial para o fenômeno até o momento.

Franklin Steiner, um parapsicólogo que investiga fenômenos paranormais e psíquicos disse: "Sabe-se que anos atrás, haviam muitas vítimas de terrorismo aqui. Quando esta escola foi construída, alguns disseram que ossos e corpos foram encontrados. "

Um chocante vídeo mostra vários alunos quase inconscientes, gritando repetidamente em um aparente estado de delírio:

.
Os moradores acreditam que este é um caso de "interferência demoníaca", dizendo que algumas crianças devem ter brincado de invocar demônios, supostamente usando um tabuleiro Ouija.

Até agora, não houve nenhuma explicação oficial para o fenômeno.

Fonte Fonte

Nenhum comentário:

Postar um comentário