segunda-feira, 10 de abril de 2017

Mãe e Bebê Reféns Em Jacarta Termina Com Resgate Heroico


Uma mãe e seu bebê estavam como reféns dentro de uma minivan ao leste de Jacarta, Capital da Indonésia, no domingo dia 9 de abril de 2017.

Uma mãe e seu bebê no leste de Jakarta escaparam de uma experiência extremamente traumática depois que foram mantidos reféns em uma minivan.

Segundo relatos, um homem identificado como Hermawan, de 28 anos, pulou na parte de trás da minivan antes de brandir uma faca para os outros passageiros, exigindo que eles entregam dinheiro e objetos de valor. 

Quando o veículo parou em um semáforo, dois dos passageiros gritaram por ajuda e escaparam da minivan, fazendo Hermawan entrar em pânico e pegar os dois passageiros restantes, uma mulher, identificada como Risma Oktaviani, de 25 anos, e seu bebê adormecido.


Um policial de trânsito chamado Sunaryanto estava na área e imediatamente se envolveu na negociação com Hermawan. Uma grande multidão se reuniu para testemunhar a cena em curso (como muitos indonésios costumam fazer), enquanto alguns filmavam o incidente.

O primeiro vídeo mostra uma visão clara do vagabundo segurando uma faca contra a garganta de Risma com seu bebê dormindo ainda em seus braços, enquanto ele, visivelmente agitado, grita para a multidão se dispersar para que o motorista possa arrancar e afastá-los da cena. Ao mesmo tempo, alguns homens tentavam conversar com ele para acalmá-lo, enquanto outros da multidão insultavam o criminoso.
.

.
.
No segundo vídeo, alguns espectadores tomaram a justiça com as próprias mãos e bateram no ordinário dentro da minivan, enquanto alguns clamavam para que queimassem o meliante (uma forma de linchamento não tão incomum na Indonésia).
.

.
.
Opção2

Enquanto a multidão tentava linchar o mal-nascido, o policial  Sunaryanto disparou um tiro que perfurou o braço direito de Hermawan depois que ele pulou sobre o suspeito.

Risma e seu bebê foram imediatamente resgatados após serem mantidos reféns por cerca de 30 minutos.


O policial disse que Risma sofreu uma pequena lesão no pescoço causado pela faca pressionada contra a sua garganta. Felizmente, seu bebê escapou ileso.

Enquanto isso, o bandido foi levado para o Hospital da Polícia Nacional para ter o seu ferimento de bala tratado. Para a polícia, ele admitiu que muitas vezes assaltava mulheres e usava o dinheiro para alimentar o seu vício em jogos de azar. Ainda não se sabe que acusações criminais ele irá enfrentar.


As autoridades do Departamento de Polícia de Trânsito do Metrô de Jakarta, disseram que o oficial Sunaryanto irá receber um prêmio por seu heroísmo e mira impecável.

Fonte

Nenhum comentário:

Postar um comentário